Fernando Adoka é orientador oficial de negócios e carreiras no LinkedIn

 

Desde março de 2018, o professor Fernando Adoka tem orientado usuários do LinkedIn, através da ferramenta oficial, a Central de Aconselhamento Profissional (Career Advice Tool), onde usuários que precisam de aconselhamentos podem através da aplicação, encontrar um profissional selecionado pela rede social.

 

O convite surgiu após importante reconhecimento que veio através dos comentários em artigos publicados e também pelas assessorias prestadas através dos canais de contato.

 

O LinkedIn divulgou recentemente, uma pesquisa que revela que aproximadamente 80% dos profissionais no Brasil, com idade entre 25 e 33 anos, afirmam enfrentar a crise dos 25 (quarter-life crisis, no termo em inglês). É o primeiro momento de dúvida, em que convergem pressões sociais com relação ao trabalho e à vida pessoal e o profissional tende a fazer uma reavaliação de suas escolhas. Surpreendentemente, no topo de suas aflições, estão o desejo e a necessidade de ter uma casa própria.

 

A pesquisa também identificou outros motivos que ajudam a aumentar a ansiedade e crise destes profissionais: encontrar um emprego pelo qual se apaixone (46%), ter as qualificações certas (39%), contrair dívidas (37%) e receber uma promoção (35%). A idade em que os brasileiros se sentem mais pressionados sobre suas escolhas é entre 32 e 33 anos e 75% dos entrevistados diz que a pressão afeta seus relacionamentos, sua carreira e sua situação financeira.

 

Alexandre Ullmann, Diretor de Recursos Humanos do LinkedIn para a América Latina, define a crise dos 25 anos como um período de insegurança e dúvidas. “É muito comum as pessoas dessa idade estarem em crise, porque as primeiras escolhas podem determinar o planejamento de vida, o que ajuda aumentar a ansiedade. O importante é ter em mente que decisões podem ser revistas ao longo do tempo e há sempre a possibilidade de ter pessoas (mentores) que possam aconselhar e compartilhar suas experiências.”

 

Fernando Adoka comenta a importância de um aconselhador durante a trajetória da carreira profissional, uma vez que alguns desafios podem ser simplificados. Apesar do alto percentual de profissionais que afirmam ter passado pela crise dos 25 anos, em algumas regiões do Brasil esses números variam. No Sudeste, 84% afirmam se sentir ansiosos, enquanto no Nordeste esse número cai para 77%, seguido pela região Centro-oeste (76%), Norte (71%) e Sul (70%).

 

A importância da mentoria

A pesquisa destaca que na hora de pedir conselhos, os profissionais procuram pessoas mais próximas, como família (62%), amigos (55%), parceiro(a) (47%), colegas de trabalho (22%) e chefe (16%). Por outro lado, o aconselhamento através de mentores tem uma procura muito baixa – 10% e 7% respectivamente.

Guilherme Catharino vence prêmio Jovem da Água de Estocolmo

 

O aluno da escola SENAI “Jorge Mahfuz”, em Pirituba, Guilherme Catharino, venceu na última semana o prêmio Jovem da Água de Estocolmo.

 

Fomentado pela Associação Brasileira de Recursos Hídricos (ABRH), o prêmio contou a participação de projetos de diversos estados da federação.

 

O SIMECHR – Sistema de Monitoramento e Controle Hídrico Residencial é um sistema de gerenciamento hídrico que consegue controlar o nível do reservatório interno, a vazão de abastecimento da distribuidora no local instalado e o seu grande diferencial que é verificar a presença de ar nas tubulações. Através de sensores de umidade e vazão, o sistema cosegue informar para o usuário quando for detectada a presença de ar nas tubulações, e caso seja vontade do usuário, através de válvulas solenoides é capaz de bloquear aquele trecho do circuito hídrico, para evitar que tenha gastos a mais (o ar é capaz de gerar cobranças) e outros problemas que isso pode acarretar.

 

Com o controle do nível do reservatório interno o usuário terá uma média da quanto ele está gastando, auxiliando ele a ver se está de acordo com os princípios do consumo consciente da água e também para que ele tenha um maior controle e minimize as chances de faltar água. O mesmo vale para o controle da vazão da distribuidora, dando ao usuário um controle em média da quantidade de água que está sendo consumida. Todos estes dados medidos e opções de controle são enviados em tempo real para um dispositivo móvel escolhido, facilitando a integração do usuário com o sistema. Mas também é possível verificar todos estes dados em uma central fixa do SIMECHR instalada no local, dando ao usuário duas maneiras de controlar o sistema.

 

Visando um melhor aproveitamento das Energias Renováveis e economia de energia, o SIMECHR é capaz de funcionar com Energia Solar Fotovoltaica, armazenando energia em baterias para funcionamento no período noturno, entretanto, pode funcionar normalmente com energia local da onde esta instalado.

 

O SIMECHR foi o grande vencedor, arrebatando todos os prêmios da competição. Parabéns a todos os alunos envolvidos no projeto.

 

Morre o professor Benjamim Ferreira de Barros

 

Morreu na tarde deste domingo (11), o já saudoso professor Benjamim Ferreira de Barros, que construiu sua carreira na área de energia.

 

Benjamim nasceu no estado de Pernambuco, onde desde muito cedo passou a trabalhar para conquistar sua independência. Durante muitos anos, já no estado de São Paulo, atuou em importantes empresas de transmissão e distribuição de energia, contudo, foi na educação que desempenhou seu mais importante papel.

 

Sócio-proprietário da LB Energia, e professor cativo do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), Benjamin participou da formação de milhares de alunos nos cursos de NR10, montador e mantenedor de cabine primária, entre outros.

 

De sorriso fácil, de espírito iluminado, companheiro da maioria, era popular, cativante e carismático. Em suas aulas trazia a combinação perfeita de experiência pessoal e causos cômicos de sua vida profissional.

 

Ministrou importantes treinamentos em multinacionais e empresas de todos os portes. Residia em Guarulhos e deixa família.

Gamificação ajuda multinacional de cosméticos na capacitação de empregados

 

Gamificação se traduz na utilização de práticas e dinâmicas de jogos para engajar as pessoas, resolver os problemas e melhorar o aprendizado, incentivando ações e comportamentos em ambientes de todos os envolvidos.

 

O principal objetivo é aumentar o engajamento e despertar a curiosidade dos usuários e, além dos desafios propostos nos jogos, na gamificação as recompensas também são itens cruciais para o sucesso.

 

Um dos objetivos da gamificação é engajar, comprometer e recompensar os usuários.

 

Na prática, isso significa oferecer recompensas aos participantes que realizam tarefas pré-estabelecidas, que, geralmente, são voltadas para a recomendação, a divulgação ou a avaliação dos produtos ou serviços da empresa.

 

Em janeiro deste ano, tive a oportunidade de participar de um projeto envolvendo técnicas de gamificação a pedido da L’Oréal Brasil. A ideia partiu do grupo de alunos do projeto Formare e teve importante aceitação da coordenação e direção do departamento de recursos humanos.

 

Através da construção de um aplicativo intitulado “Game of Norms”, o grupo desenhou um jogo de perguntas e respostas (verdadeiro ou falso) para tratar de assuntos pertinentes ao quadro de operações e das normas de seguranças aplicadas na empresa.

 

 

O objetivo é promover, de forma saudável e dinâmica, estudos sobre tais políticas, utilizando o jogo para dinamizar o aprendizado. Mensalmente, os maiores pontuadores serão premiados com a moeda interna da empresa, o Lo Real.

 

O jogo roda em plataformas Android e IOS, é composto por mais de 100 perguntas e terá adição de novas perguntas a cada nova semana.

 

 

 

 

 

 

 

Minha Tarifa ajuda você a decidir pelos custos de energia na sua casa

 

O Minha Tarifa faz parte de um conjunto de ferramentas que serão desenvolvidas em 2018 pelo Instituto SENAI de Tecnologia em Energia de São Paulo.

 

O projeto Minha Tarifa idealizado pelo diretor do IST de Energia, Sidnei Petrin e pelos coordenadores Edson Pereira e Wilker Iássia, foi projetado pelo especialista em energia Denis Bicudo e  teve desenvolvimento e programação de Fernando Adoka, traz uma prática e gratuita, calculadora que auxilia na escolha entre a nova tarifa branca e a já consagrada tarifa convencional.

 

 

Para utilizar o Minha Tarifa, acesse o site oficial (www.minhatarifa.com.br)

 

 

Sua conta de luz pode baixar com a nova tarifa branca

 

Desde a década de noventa, ouço os engenheiros da minha família em debates sobre o futuro energético do país. Quem passou pelos apagões do início deste século, sabe o sufoco que é, ficar mais de vinte e quatro horas sem energia.

 

Apesar da crescente industrialização para energias renováveis alternativas, o Brasil ainda é altamente dependente das hidrelétricas, e toda vez que chove pouco, ou quase não chove, nossa conta fica muito mais cara.

 

Boa parte da população que consome acima de 500 kw/h terá agora, a oportunidade de migrar sua tarifação. Enquanto escrevo isso, o brasileiro paga uma das mais altas contas de energia do mundo, na chamada bandeira vermelha.

 

De acordo com a ANEEL, a tarifa branca é uma nova opção de tarifa que sinaliza aos consumidores a variação do valor da energia conforme o dia e o horário do consumo. Ela será oferecida para as unidades consumidoras que são atendidas em baixa tensão (127, 220, 380 ou 440 volts, denominadas de grupo B) e para aquelas pertencentes ao grupo A optantes da tarifa de baixa tensão.  A medida foi aprovada nesta terça-feira (6/9), na reunião pública da Diretoria da ANEEL.

 

A partir de 1º de janeiro de 2018, todas as distribuidoras do país deverão atender aos pedidos de adesão à tarifa branca das novas ligações e dos consumidores com média mensal superior a 500 kWh. Em 2019, unidades com consumo médio superior a 250 kWh/mês e, em 2020, para os consumidores de baixa tensão, qualquer que seja o consumo.

 

Em resumo, utilizar a tarifa branca, pode ser uma boa saída para economizar, se você costuma utilizar a energia fora dos horários de ponta.

 

A imagem abaixo mostra o comparativo entre as duas tarifações atualmente disponibilizadas pelas concessionárias

 

Fernando Adoka marca presença no Google Cloud Summit Brasil

 

Entre os dias 08 e 09 de novembro, aconteceu o Google Cloud Summit Brasil que teve representação do SENAI Pirituba

Fabio Andreotti CEO da Google Brasil foi o responsável pela abertura do evento, que trouxe como premissa a drástica mudança de empresas da era da tecnologia para a era da digitalização.

 

 

O evento ocorreu entre os dias 08 e 09 de novembro e teve como assuntos principais, Cloud Computing, tecnologia Mobile e Social, Internet das Coisas, Big Data e as Machines Learnings, além de importante espaço para empresas startups e contou com a participação do professor de tecnologia da informação da unidade, Fernando Adoka.

 

Gleydis Salvanha diretora da Google, afirmou que toda empresa é uma empresa de dados e que “se você não sabe o que fazer com o dado, apenas guarde, uma hora saberá” e foi além, dizendo que “dados são hoje o novo petróleo”.

 

A Google está trabalhando através de quatro importantes pilares: Otimização de TI, Colaboração, Aceleração e por fim, Parceria.

 

Miles Ward, diretor global de arquitetura de soluções da Google Cloud, potencializou o evento, afirmando que “hoje estamos escrevendo o livro das operações” e completou “não importa se sua empresa é grande ou pequena, logo ela estará nas nuvens”.

 

O Google Cloud Summit, ainda reservou importante espaço para tratar sobre segurança da informação, criptografias e relevou informações sobre seu mais novo projeto, o TITAN Chip, responsável por toda produção criptográfica de sua nuvem, garantindo maior segurança de dados, o denominado “Data Loss Prevention”.

 

 

Por outro lado, o Sr. Fuzzy Khosrowshari, diretor da Google Cloud no Canadá, empolgou os presentes com emocionante apresentação, fazendo alusão à escadaria de Selaron no RJ, que conta com ladrinhos de mais de 60 nações. “Hoje o Google possui mais de 15mil programadores espalhados pelo mundo, trabalhando em códigos abertos para transformar a inteligência artificial”, relatou. Através de tecnologia “Smart Reply”, resposta inteligente, a Google pretende revolucionar a capacidade de aprendizado das máquinas, onde sem interação humana, elas consigam se comunicar.

 

John Lucena, diretor Técnico Google Cloud Latin America, e João Carlos Bolonha também diretor da LATAM, trouxeram ao evento dados relevantes. A Google acredita que até 2025 serão gerados cerca de 163 zettabytes de dados e que a Inteligência Artificial será soberana, contando com a participação de todas as pessoas interessadas. De acordo com Lucena, ainda, é necessário “use the right tool for the job” em simpática alusão aos programas de edição de planilhas, que em breve receberão importante participação de inteligência artificial.

 

 

A grande certeza que tivemos após a finalização do evento, é que o BIG Data já é realidade, inteligência artificial também e estarão amplamente espalhadas através da Google Cloud, de acordo com a sra. Feresth Mavar, engenheira da Google no Canadá. E claro, os empregos como conhecemos hoje serão totalmente reformulados.

Versão digital do livro grátis! 10 lições que Aprendi no Negócio mais Difícil do País

 

Você pode baixar gratuitamente a versão digital do livro 10 Lições que Aprendi no Negócio mais Dificil do País, após curtir nossa página no Facebook, aproveitando assim as dicas de negócios em tempo real.

 

 

Palestrante

 

Fernando Adoka transmite mensagens de forma dinâmica, buscando expandir a visão de negócios e sucesso e a forma como as pessoas enxergam seu potencial.

 

Áreas de atuação:

  • Motivação
  • Negócios
  • Marketing
  • Gestão
  • Qualidade
  • ISO 9000
  • Design Thinking
  • PDCA
  • NR5 (CIPA)
  • Educação e Pedagogia

 

Escritor

 

Fernando Adoka é reconhecido escritor por suas obras publicadas. Importantes nomes da educação, política e verdadeiros patrimônios históricos nacionais, já leram seus materiais.

 

As obras publicadas são:

 

10 Lições que Aprendi no Negócio mais Difícil do País

 

Diga Giz! – Um manifesto motivacional aos formadores de todas as profissões

Decolando com Guarulhos, trará Fernando Adoka em dois eventos

 

O projeto Decolando com Guarulhos, parceria entre o Aeroporto Internacional de Guarulhos (GRU) e o SEBRAE, contará com a participação do professor Fernando Adoka, autor do livro 10 Lições que Aprendi no Negócio mais Difícil do País. Em 12 de junho, Adoka trará a palestra Design Thinking – Design como Estratégia de Inovação e Competitividade, que busca envolver utilizando técnicas dinâmicas, todos os participantes, em torno de práticas inovadoras para aprimorarem seus negócios.

 

Design Thinking significa “pensamento do design”, ou pensar como designer. A ideia é buscar na percepção do designer sobre o mundo, visões que ajudem empreendedores a expandir horizontes na hora de criar projetos e executar tarefas.

 

Da mesma forma que um profissional do design enxerga de forma holística o mundo ao seu redor, observando aspectos cognitivos, emocionais e estéticos que afetam as experiências humanas, empresários precisam olhar seu contexto com empatia, a fim de identificar problemas a serem solucionados, bem como criar respostas verdadeiramente inovadoras para eles.

 

 

12/06/17: Palestra Design Thinking SEBRAE Guarulhos com Fernando Adoka

 

No próximo dia 12 de Junho, segunda-feira, o professor Fernando Adoka irá palestrar ao público de empreendedores no SEBRAE de Guarulhos, situado a  Av. Salgado Filho, 1810 – Centro, às 11h:00.

 

O tema escolhido pela organizadora é Design Thinking, DESIGN COMO ESTRATÉGIA DE INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE.

 

Sobre: O que é design thinking?  Ao pé da letra, o termo significa “pensamento do design”, ou pensar como designer. A ideia é buscar na percepção do designer sobre o mundo, visões que ajudem empreendedores a expandir horizontes na hora de criar projetos e executar tarefas.

 

Da mesma forma que um profissional do design enxerga de forma holística o mundo ao seu redor, observando aspectos cognitivos, emocionais e estéticos que afetam as experiências humanas, empresários precisam olhar seu contexto com empatia, a fim de identificar problemas a serem solucionados, bem como criar respostas verdadeiramente inovadoras para eles.

 

Através de dinâmicas, bom humor, histórias cativantes e estudos de caso relevantes, a palestra terá duração de 120 minutos, com espaço para debates estratégicos, que irão motivar os empreendedores experientes ou que estejam iniciando seus negócios.

 

Quando: 12/06/17 – 11hs

Onde: SEBRAE Guarulhos –  Av. Salgado Filho, 1810 – Centro

Quanto: Grátis

Informações: (11) 2475-6600